PRINCIPAL

BIOGRAFIAS

 

 

 

 


 

 

Mendes Fradique

 

Mendes Fradique é o pseudônimo de José Madeira de Freitas, nascido em Alfredo Chaves, ES, em 1893. Ilustrador, desenhista, chargista e escritor devotado ao humor, Mendes Fradique era também médico, especialista no tratamento da diabete, e residiu a maior parte de sua vida no Rio de Janeiro.

 

Sua estreia na imprensa carioca se deu na revista Rio Ilustrado, onde atuou como editor de arte e desenhista-caricaturista. Colaborou também na revista Dom Quixote, nos jornais cariocas O Jornal e Gazeta de Notícias, e em O Estado do Paraná, em Curitiba, e Folha da Noite, em São Paulo.

 

Em 1917 estreou em livro, Hypocratéa, coletânea de sonetos em que fazia o perfil caricatural de seus colegas de faculdade. Seguiram-se outros livros, dentre os quais se destacam seus grandes clássicos História do Brasil pelo método confuso, de 1920, e Gramática portuguesa pelo método confuso, de 1927.

 

Seu pseudônimo é a inversão do nome Fradique Mendes, célebre personagem do escritor português Eça de Queirós.

 

José Madeira de Freitas faleceu no Rio de Janeiro em 1944, pouco antes de completar 51 anos.

 


- Clique aqui para ver a bibliografia do autor.

 

 

 

 

 

 

 

VOLTAR


     © 2005 Tertúlia

     Direitos reservados

Site de utilidade pública, sem fins lucrativos